DER-RJ não tem dinheiro para as obras da Estrada Parque de Mauá

Visconde de Mauá – economia da região mudou de foco: de rural para turismo, artigo de Nilo Sergio S. Gomes
27/03/2017
O Brasil rural é maior do que estimou o Governo
28/04/2017

DER-RJ não tem dinheiro para
as obras da Estrada Parque de Mauá

O Departamento de Estradas de Rodagens do Rio de Janeiro (DER-RJ) está sem dinheiro para fazer as obras de reparo e restauração da Estrada Parque de Mauá, bastante avariada em suas der-rj-sem-verbasmargens, tomada de buracos provocados pelas chuvas e com capim alto encobrindo as placas de orientação aos motoristas. Inaugurada em dezembro de 2011, com pompas e festas e ao custo de quase R$ 50 milhões, a estrada está em estado de abandono, desde as chuvas do feriado de 15 de novembro do ano passado, quando houve queda de alguns dos gradis de segurança.

Em resposta à reportagem da Porteira do Mato, a Assessoria de Comunicação do DER-RJ respondeu, em apenas uma linha de mensagem eletrônica, que o Departamento não dispõe dos recursos financeiros necessários à realização dos serviços de manutenção e conservação da Estrada Parque Capelinha-Visconde de Mauá, que integra a RJ-163.

Certamente, a situação reflete o caos e a falência financeira do Governo do Estado do Rio de Janeiro, que tem atrasado, inclusive, entre outros, o pagamento de salário dos servidores estaduais. Falta merenda em muitas escolas e esta situação, agora, atinge também a Estrada Parque, construída para servir de modelo para outras estradas em área de preservação ambiental e florestal.

Às vésperas do feriado da Páscoa, no próximo dia 14 de abril, os motoristas devem redobrar a atenção, pois são péssimas as condições da estrada que dá acesso a Visconde de Mauá, Maringá e Maromba.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *