Prazo para o Cadastro Ambiental termina a 5 de maio

Produtores de Mauá realizam feira de produtos de alimentos orgânicos
18/04/2016
falta-vacina-h1n1
Faltou vacina em Maromba e Maringá
04/05/2016
Mostrar tudo

Prazo para o Cadastro Ambiental termina a 5 de maio

Termina no próximo dia 5 de maio o prazo para os proprietários de imóveis rurais realizarem o Cadastro Ambiental Rural (CAR), obrigatório em todo o país.

Embora tenha havido um incremento de quase 5%, em março, o total de propriedades cadastradas, de acordo com o Serviço Florestal Brasileiro, ainda permanece no patamar de 70,3% do total de área cadastrável no território nacional.

Os dados até março indicam um total de 279,6 milhões de hectares já com registro no CAR, o equivalente a 2,64 milhões de propriedades rurais. No país, a área sujeita ao cadastramento alcança 397,8 milhões de hectares. Ou seja, faltam ainda ser registrados cerca de 120 milhões de hectares.

O CAR foi criado em 2012, pelo novo Código Florestal Brasileiro, e o prazo para o seu registro já foi adiado por duas vezes. Segundo fontes da área do Ministério do Meio Ambiente, não há nenhuma previsão de que este prazo seja adiado mais uma vez.

 

Minas cadastrou mais de 70%

O cadastro é feito via internet, acessando-se a página www.car.gov.br, e entre seus objetivos estão o monitoramento e acompanhamento do território rural brasileiro, em especial, as áreas de preservação ambiental. Ele servirá como uma espécie de “carteira de identidade” do imóvel rural, sendo exigido, por exemplo, para a concessão de créditos e financiamento rural.

Minas Gerais é, proporcionalmente, em razão do tamanho de seu território – 33,08 milhões de hectares – o estado rural com maior percentual de terras cadastradas, tendo, somente em março, sido registrados 1,71 milhão de hectares. No total, 70,8% de suas terras já estão no CAR, percentual acima da média nacional.

Percentualmente, contudo, o Rio de Janeiro tem cadastrado mais de 100%, mas seu território cadastrável é de somente 2,48 milhões de hectares. São Paulo, com 16,9 milhões de hectares, tem 77,9% já inscritos no CAR.

O estado com menor registro é o de Alagoas, com apenas 18% de cadastramentos, do total de pouco mais de 2,1 milhões de hectares de área cadastrável. Rio Grande do Sul, que vinha apresentando baixo número de registros, melhorou seu desempenho em março e contava, no início do mês de abril, com 19,3% do total de área sujeita ao cadastramento já inscritos no CAR.

Situação dos estados da Mantiqueira

extrato-car

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *