Seca esvazia rios e fontes em Mauá

Viação sampaio rezende
Viação Sampaio retira linha Rio-Resende
07/08/2016
Seca e queimada na Mantiqueira
Seca aumenta os riscos de queimadas
18/08/2016

A seca natural do outono e do inverno está provocando, pelo segundo ano consecutivo, o esvaziamento dos rios, córregos e das fontes de água na região de Visconde de Mauá.

Em algumas áreas, como em Maringá de Minas e no Vale de Santa Clara, também do lado mineiro da rio pretoregião, a seca afetou o abastecimento de água de pousadas e residências, com a redução dos níveis das fontes hídricas. Uma das principais atrações de Mauá, marca da região, o Rio Preto chegou a ficar seco em alguns pontos.

O intenso frio, por sua vez, baixou a temperatura a níveis próximos a zero grau, chegando a gear em alguns pontos, como no Pico das Agulhas Negras, no alto de Itatiaia. No Vale de Santa Clara e em Maromba de Minas a mínima chegou a dois graus durante boa parte desta semana, com a temperatura máxima batendo em 17º.

fonteCom o crescimento dos bairros e o consequente aumento da população residente e de visitantes e turistas, elevou-se de forma expressiva o consumo de água, quase toda ela proveniente de fontes naturais. A combinação da seca com o aumento de consumo esgotou algumas dessas fontes naturais que abastecem residências, restaurantes e pousadas.

A tendência é desta situação piorar nos próximos anos, caso não sejam adotadas medidas preventivas, tanto pelo poder público como pela própria população, preservando e fortalecendo as fontes naturais e evitando a depredação e derrubada das matas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *