Museu da Imagem e do Som de Resende comemora Dia Nacional da Bossa Nova com exposição

Luar da Mantiqueira
01/12/2020
Tristeza na Região de Visconde de Mauá: morre o veterinário Cristiano Menandro
17/01/2021
Mostrar tudo

Museu da Imagem e do Som de Resende comemora Dia Nacional da Bossa Nova com exposição

tom-jobin-mis-resende

Resende – A Prefeitura de Resende, através da Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, vai promover uma comemoração especial para o Dia Nacional da Bossa Nova (celebrado em 25 de janeiro). A data será celebrada no Museu da Imagem e do Som (MIS) com a abertura de uma edição alusiva da exposição Arte na Capa, com título: ‘Arte na Capa – O Fino da Bossa’. A mostra, que reúne dezenas de capas de discos de vinil, poderá ser visitada até 29 de janeiro. A entrada é gratuita.

O projeto ‘Arte na Capa’, organizado mensalmente pelo MIS de Resende, tem como objetivo principal apresentar ao público uma parte do vasto acervo da instituição, que além de discos, possui uma grande quantidade de equipamentos que contam a história da imagem e do som no Brasil. As exposições temáticas podem celebrar gêneros musicais, artistas ou datas comemorativas.

 

Para iniciar o ano de 2021, a direção do Museu da Imagem e do Som de Resende escolheu a Bossa Nova como tema de sua primeira exposição. Celebrado em 25 de janeiro, o Dia Nacional da Bossa Nova foi instituído pelo Congresso Nacional em 2009, e a data escolhida para fixar a homenagem é a do aniversário de nascimento do compositor e maestro Antônio Carlos Jobim.

 

– A bossa nova tem uma importância enorme na história do país e para a Música Popular Brasileira. A homenagem do MIS é um convite à população para mergulhar nesse universo, conhecendo elementos que marcaram época e vivem na memória. Não só as pessoas que viveram essa época, é fundamental também que as novas gerações conheçam a bossa nova. E no MIS, os visitantes também têm a oportunidade de ouvir os vinis e conhecer as obras. Ótima oportunidade de entretenimento para a população – comentou o presidente da Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda, Thiago Zaidan.

 

Entre os discos escolhidos para a exposição estão os de artistas facilmente identificados com o gênero, como João Gilberto, Nara Leão, Tom Jobim, Maria Creuza e Maísa, entre outros. O Museu da Imagem e do Som de Resende fica na Rua Luiz da Rocha Miranda, 117, no Centro Histórico de Resende. A visitação pode ser feita de segunda a sexta, das 12h às 18h. O MIS informa também que é obrigatório o uso de máscara e o distanciamento entre os visitantes.

 

Serviço  

Exposição ‘Arte na Capa – O Fino da Bossa’

 

Matéria extraída do jornal Diário do Vale

Ilustrações: Divulgação PMR

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *