Tempestade de Lipari após ordem do prefeito: “É proibido jogar futebol nas ruas e praças”

É proibido jogar futebol nas ruas e praças do Município de Lipari. Para os infratores haverá multas de 25 a 500 euros. Isto está previsto na portaria n.19/2024, do prefeito do maior município eólico, Riccardo Gullo. Uma portaria que já está a causar sensação e suscitou protestos por parte das mães, sobretudo das ilhas mais pequenas, onde não existem instalações desportivas nem mesmo campos de futebol e as crianças estão habituadas a brincar nas ruas e praças. A portaria estabelece que “É proibido jogar futebol nas ruas e praças do município com condutas que possam causar danos ao patrimônio público ou privado e assediar transeuntes ou pessoas que parem ou residam nas proximidades das praças”. Não há meio-termo, a portaria parece ser fruto de um acidente de moto ocorrido nos últimos dias nas ruas de Lipari, devido a uma bola.

Felipe Costa