Os vira-latas da Mantiqueira são amigos

A água de Bocaina está suja
13/06/2017
Parque Nacional do Itatiaia faz 80 anos
27/06/2017
Mostrar tudo

Os vira-latas da Mantiqueira são amigos

Vira-latas da Mantiqueira

Os vira-latas da Mantiqueira são amigos

Quando se fala sobre a Serra da Mantiqueira, em geral as referências são as inúmeras cachoeiras, córregos, rios, sucessivos corredores de mata nativa e ao famoso Pico das Agulhas Negras, com seus quase 3 mil metros de altitude, emoldurando o Parque Nacional de Itatiaia, que se estende pelos estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo.

O que nunca aparece nos relatos são seus cachorros vira-latas, com seus andares desengonçados, mas cheios de carinho e amizade para retribuir aos que lhes acenam ou acariciam as cabeças. E quando isso acontece, ganha-se um amigo para todo o trajeto, pois é comum aos vira-latas da Mantiqueira seguir e acompanhar os visitantes. Eles mesmos decidem até onde seguir. E não adianta espantar ou tentar fazê-los voltar a suas casas. Eles seguem mesmo assim.

No Vale de Santa Clara, por exemplo,  lado mineiro da região de Visconde de Mauá e Maromba – que é o lado fluminense – há famosos vira-latas. Um dos mais antigos chamava-se Pedaço, que morreu ao final dos anos de 1980. Depois dele, uma sucessão: Jack, Zidane, Malu, Scooby Doo… Cada um com sua própria história, como mostra essa reportagem da Porteira do Mato.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *