Nautica, vereadores Varì e Calabrese encontram empresas do setor calabresa

O conselheiro regional para o desenvolvimento económico e atrações culturais, Rosário Váriose o vereador do trabalho e formação profissional, Giovanni Calabresepresidiu uma reunião na Cittadella com empresas do setor náutico para discutir apoios ao setor.

“Durante o encontro com as empresas do sector náutico – explicou o vereador Varì -, com quem a minha vereação tem interagido há algum tempo para apoiar a sua produtividade, tanto em termos de expansão no mercado externo como em termos de medidas de apoio à competitividade, os estaleiros e operadores do sector representavam para mim uma série de necessidades em termos de figuras profissionais necessárias ao sector e actualmente em falta. Por isso, prontamente compartilhei o pedido recebido com meu colega Calabrese e organizei uma reunião especial para que os produtores pudessem apresentar seus pedidos diretamente ao vereador competente. Esta é uma forma concreta – observou Varì – de a Região apoiar as necessidades de formação das empresas, de forma que os recursos disponíveis sejam melhor planeados de acordo com a necessidade real do sistema produtivo: a oferta formativa deve satisfazer concretamente a procura para competências específicas provenientes de quem opera nos mercados. O governo regional está a operar de forma concreta e sinérgica para apoiar o tecido económico e produtivo, visando o crescimento e a consequente criação de oportunidades de emprego na zona”.

“Uma discussão – acrescentou o vereador Calabrese – para avaliar, em conjunto com o vereador Varì e os representantes do setor, todas as possibilidades de apoio ao setor náutico e todas as atividades relacionadas que dele derivam. Reunimos as preocupações das empresas náuticas que têm dificuldade em encontrar mão de obra qualificada. Este é um setor em crescimento que representa uma enorme oportunidade para o desenvolvimento do emprego na nossa região. Depois de estabelecermos as reais necessidades do setor – anunciou finalmente Calabrese – assinaremos um memorando de entendimento que nos comprometerá a formar todos os números necessários para reiniciar a navegação”.

Felipe Costa