Reggio, capital Forzista, anúncio de Occhiuto: “O candidato a prefeito será da FI”

Regressam à mesma praça algumas semanas depois para celebrar um sucesso que levou o partido Azzurri não só a eleger o eurodeputado Giusi Princi mas para alcançar um resultado sem precedentes. 86340 preferências «que fazem de Reggio, a capital da Forza Italia» troveja o governador Roberto Occhiuto do palco da Piazza Duomo. A confiança dos eleitores de Reggio depositada no partido deve ser recompensada. “Queremos pagar essa dívida.” Como? «Reggio deve ter um papel de autoridade e então não permitiremos que o próximo candidato a prefeito da cidade seja escolhido fora de Reggio e sobretudo fora da Forza Italia» afirma Occhiuto. «Os tons – diz, desatando a gravata no palco – não são os da campanha eleitoral, hoje celebramos uma festa, uma vitória». Mas o próximo desafio com as urnas na cidade do Estreito já está no topo da agenda política do partido há algum tempo, que registrou um recorde de consenso na região de Reggio. «Pensaram que estávamos mortos depois da morte de Berlusconi, mas mostrámos que sabemos crescer. Claro – continua o presidente, dirigindo-se à praça – escolhemos bem, um candidato extraordinário apreciado por todos. Até os conselheiros minoritários do Conselho Regional reconheceram hoje o grande trabalho que ela realizou nestes dois anos e meio ao cumprimentá-la: autêntica excelência. É claro que sentirei falta dele como vice-presidente.”

Felipe Costa